Mãe confessa que matou filha no RS por ‘queda espiritual’, diz polícia

A mulher suspeita de matar a própria filha com uma facada no peito, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no domingo (26), confessou o crime em conversa informal à Polícia Civil. Ela justificou o ato por causa de uma “queda espiritual”, conforme relatou de forma breve o delegado responsável pela investigação, Valeriano Garcia.
“Ela relatou que começou a ver espíritos e que ouvia vozes”, observa o delegado. “A mulher admite que cravou a faca na criança, que passou a chorar por estar recebendo a facada. A mulher disse que olhava nos olhos da criança e parecia que ela concordava com o que ela estava fazendo”, complementa Garcia.
A mulher, de 30 anos, foi presa ainda no domingo. Ela e a criança foram encaminhadas para o Hospital de Pronto Socorro (HPS). Entretanto, a menina não resistiu aos ferimentos e morreu.
A mãe também foi levada para o hospital, já que se machucou com a faca, onde segue custodiada pela polícia. Foi ainda na instituição de saúde que ela confessou o crime ao delegado responsável.
Garcia espera alta da mulher para que seja encaminhada para o presídio e, só depois, tomará o depoimento oficial dela.
O crime ocorreu na Rua Osmar Rodrigues da Silva, no bairro Mathias Velho. Uma faca suja com sangue foi encontrada e apreendida no local.
Fonte:G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *